Notícias | Dia a dia
Títulos de Halep e Wozniacki inspiram Svitolina
18/07/2020 às 10h24

Svitolina está com 25 anos e ainda sonha com o primeiro título de Grand Slam

Foto: Jimmie48/WTA

Berlim (Alemanha) - Apesar da constante renovação do circuito feminino, Elina Svitolina acredita que pode repetir os feitos de jogadoras como Simona Halep e Caroline Wozniacki, que conseguiram seus títulos de Grand Slam com mais experiência. A ucraniana de 25 anos e número 5 do mundo ainda sonha com seu primeiro troféu em torneios desse porte.

"Nos últimos anos, vemos tenistas trilhando caminhos diferentes até os títulos", disse Svitolina ao portal ucraniano BTU. "Algumas venceram imediatamente assim que despontaram no circuito", explicou, referindo-se às jovens campeãs de Slam como Jelena Ostapenko, Naomi Osaka, Bianca Andreescu e Sofia Kenin.

+ Svitolina vence 1ª etapa e já volta a jogar no sábado
+ Kerber, Svitolina e Bertens não devem jogar em NY
+ Svitolina: 'Muitas perguntas para poucas respostas'

"Outras, com paciência, ganharam experiência para finalmente conquistar um Slam, como por exemplo, como a Simona Halep e a Caroline Wozniacki", acrescentou a ucraniana. Wozniacki conquistou seu único Grand Slam aos 27 anos no Australian Open de 2018. Na mesma temporada, Halep venceria Roland Garros aos 26 anos. A romena é também a atual campeã de Wimbledon.

"Esses diferentes caminhos também se devem a diferentes estilos de jogo. Isso me dá esperança e energia para trabalhar duro para que um dia eu possa aproveitar essa chance. O ponto chave para mim é manter meu melhor nível por duas semanas", comenta Svitolina, que foi semifinalista de Wimbledon e do US Open no ano passado.

"Isso requer muito esforço, tanto psicológico quanto físico. Tudo precisa dar certo ao mesmo tempo. E você também precisa ter um pouco de sorte", complementou a vencedora de 14 torneios do circuito, com destaque para o WTA Finals de 2018. Apesar do sonho do primeiro Grand Slam, ela já declarou recentemente que teria receio de disputar o US Open neste ano, em meio ao aumento no número de casos de coronavírus nos Estados Unidos.

Svitolina está atualmente em Berlim, onde disputa uma série de exibições na grama e no piso duro ao longo da semana. A ucraniana já venceu a primeira etapa do breve circuito alemão, superando Petra Kvitova na final disputada na última sexta-feira. Já neste sábado, ela estreia na segunda etapa diante da letã Anastasija Sevastova.

 

Comentários