Notícias | Dia a dia | Roland Garros
Khachanov vinga Rublev e enaltece melhora física
04/06/2023 às 10h16

Paris (França) - Responsável pela eliminação do russo Andrey Rublev na terceira rodada, o italiano Lorenzo Sonego tentou aprontar de novo neste domingo e chegou a largar na frente e venceu o primeiro set contra o russo Karen Khachanov, que acabou virando e vingou o compatriota ao marcar placar final de 1/6, 6/4, 7/6 (9-7) e 6/1, após 3h26 de duelo.

Classificado para as quartas de final de Roland Garros, o russo de 27 anos e atual 11 do mundo tem tudo para rever o sérvio Novak Djokovic, que o bateu nas oitavas de final em 2020. Ao todo, eles já se enfrentaram nove vezes, Khachanov só venceu uma, na final do Masters 1000 de Paris em 2018, e perdeu todas as outras oito.

Khachanov foi dominado no começo e venceu apenas um game na parcial inicial, mas depois se encontrou na partida. “Por um set e meio não sabia o que estava fazendo em quadra. Ele acertava tudo. Mas eu tinha que lutar”, analisou o russo na entrevista logo após o jogo.

Um momento importante foi a recuperação no tiebreak do terceiro set, quando saiu do buraco para vencer o desempate e abrir 2 a 1, ficando assim mais perto de completar a virada. “Como na primeira rodada, perdia o tiebreak por 0-4, virei o placar novamente e acabei vencendo os dois jogos”, comentou Khachanov, que vem de duas semifinais seguidas em Grand Slam.

“Em Slam você tem menos tempo nas viradas de lado, então fico estressado e acho melhor não pensar em nada. Cada vez estou mais preparado física e mentalmente para os cinco sets, por isso estou jogando melhor nos Slam”, falou o russo, que apesar da vitória sobre Sonego, terminou com 10 winners a menos (36 a 46) e os mesmos 34 erros não forçados do italiano.

 
 
 
 
 
Ver essa foto no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação compartilhada por Roland-Garros (@rolandgarros)

Comentários