Notícias | Dia a dia | US Open
Murray pede mudanças nas rodadas noturnas
28/08/2023 às 13h19

Nova York (EUA) - Cada vez mais comuns nos torneios ao redor do mundo, as rodadas noturnas têm gerado um grande debate no circuito por conta do número crescente de partidas terminando já no meio da madrugada. O britânico Andy Murray engrossou o coro dos reclamantes e pediu ajustes nas rodadas noturnas, para que os jogos não terminem tão tarde.

“Acho que em geral não é bom para ninguém. Obviamente, quando os jogadores reclamam de alguma coisa, as pessoas nos mandam calar a boca ou nos mandam trabalhar em um armazém das 9h às 17h. Eu entendo. Sei que tenho sorte de jogar tênis, mas terminar às 4 da manhã não acho que isso ajude muito o esporte”, criticou o ex-número 1 do mundo em entrevista ao Tennis Majors.

“As pessoas acabam indo embora porque têm que pegar o transporte público para casa e a partida termina com 10% de público. É algo que não se vê em outros esportes. Está claramente errado. E a razão é puramente econômica, não é porque as pessoas que dirigem os torneios acham que é bom para os jogadores”, disparou Murray, lembrando seu duelo com Thanasi Kokkinakis neste ano no Australian Open.

O britânico não ficou apenas reclamando, mas propôs mudanças a serem feitas. “Se os Grand Slams quiserem começar as sessões noturnas às 19h30, podem ter duas partidas femininas nesse horário, tudo bem. Mas se quiserem colocar um jogo masculino, então acho que só podem jogar um jogo, a menos que (a rodada noturna) comece mais cedo”, sugeriu Andy.

Comentários